Vendarketing: a arte de aliar marketing e vendas e gerar resultados

Imagem que descreve o vendarketing

Vendarketing é uma estratégia focada em alinhar as áreas de marketing e vendas dentro de uma empresa. Nesse artigo vamos entender na prática o que ela representa e porque você deve investir nela.

Muitas empresas podem não conhecer o termo, mas o aplicam e, em alguns casos, por não entender bem o que significa, enfrentam grandes problemas no negócio.

O que, de fato, é Vendarketing

Trata-se de um método para aliar os times de Marketing e Vendas, para que ambos possam extrair o máximo de suas atividades, aumentando o potencial de fechamento de negócio da sua empresa.  O termo nasceu do Smakrketing, termo que define a junção de vendas (sales) e o marketing.

Marketing e vendas: quais seus papeis no negócio?

As ações de um time de vendas são mais simples e tangíveis: interagir com potenciais clientes e fazer a empresa vender mais. Já no marketing, isso ocorre de maneira mais subjetiva, pois algumas atividades estão envolvidas, como:

– Branding;
– Gestão de conteúdo;
– Gerenciamento de anúncios;
– Gestão de canais de comunicação da empresa.

As ações acima (e muitas outras) são possíveis em um time de marketing, mas são apenas ferramentas para um objetivo (que é o mesmo do comercial): vender mais e melhor.

Desse modo, é possível compreender que marketing e vendas possuem objetivos que, mesmo não sendo exatamente os mesmos, estão intimamente conectados.

O que vai diferenciar essas duas equipes é a forma que elas fazem as atividades. Por isso é essencial que as equipes estejam alinhadas e conectadas. Aí que entra o vendarketing.

Crie um processo para essas equipes

Essencial para o sucesso de qualquer negócio, é preciso ter processos e objetivos traçados para cada departamento. Mensure o que deve ser analisado em cada ponto de contato entre as áreas. Confira exemplos:

Marketing
– Definir e analisar quais informações fazem o lead qualificado para a equipe de vendas;
– Obter dados essenciais (nome/e-mail/telefone/quantidade de funcionários/faturamento);
– Obter pelo menos 100 leads qualificados no mês

Vendas
Entrar em contato com cada lead no máximo uma hora após ele ser enviado pela equipe de marketing;
– Tentar pelo menos quatro vezes o contato com o lead antes de desistir dele.

Quando regras assim estão bem definidas, os papéis de cada departamento estão claros e mensuráveis. A partir daí, os vendedores não podem mais responsabilizar o marketing por “leads ruins” e nem o marketing pode apontar que os vendedores não estão sabendo trabalhar os leads conquistados.

É essencial reavaliar esses processos em reuniões periódicas, envolvendo os dois times. As métricas precisam estar sendo sempre revistas, considerando todos os desafios enfrentados pelos dois times no cotidiano.

Nesse contexto, treinamentos periódicos entre as equipes também são muito valiosos, pois mantém os times alinhados.

Conte com a IAN Vendas Estratégicas para te ajudar com o vendarketing

A Ian Vendas Estratégicas, por meio da especialista Eliana Santos, oferece treinamentos e implementação de estratégias que envolvem marketing e vendas. Clique aqui e fale conosco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Iniciar uma conversa
1
Vamos conversar?
Olá, posso te ajudar?